Governo libera R$ 1 bilhão antecipado do Bolsa Família para saques de março

O Ministério da Cidadania implementou recentemente a unificação do calendário de pagamento do Programa Bolsa Família em 125 municípios de oito estados brasileiros em fevereiro. Esta iniciativa beneficiou famílias que vivem em áreas de calamidade devido às chuvas, antecipando mais de R$ 1,01 bilhão em pagamentos.

Essa ação positiva impactou 1,49 milhões de famílias do Bolsa Família, além de antecipar R$ 40,2 milhões do Vale-Gás para 394.556 famílias. Durante situações de emergência reconhecidas pelo Governo Federal, os beneficiários do Bolsa Família não precisam seguir o calendário convencional de saque, beneficiando oito estados:

– Paraná – 15 municípios;
– Rio de Janeiro – 10 municípios;
– Rio Grande do Sul – 73 municípios;
– São Paulo – 3 municípios;
– Sergipe – 7 municípios;
– Ceará – 15 municípios;
– Amapá – 1 município;
– Espírito Santo – 1 município.

O estado do Rio de Janeiro foi o que mais recebeu recursos do Bolsa Família, com R$ 699,3 milhões destinados a um milhão de famílias, sendo R$ 391,59 milhões para a capital, beneficiando 582 mil famílias.

Além disso, os beneficiários podem solicitar o saque sem cartão ou documentos, mediante uma declaração especial de pagamento fornecida pela gestão municipal do programa, com prorrogação nos prazos de averiguação e revisão cadastral.

Regras do Programa Bolsa Família

Para manter o benefício, as famílias precisam cumprir compromissos na área de saúde e educação, como:

– Realização do acompanhamento pré-natal;
– Acompanhamento do calendário nacional de vacinação;
– Acompanhamento do estado nutricional das crianças menores de 7 anos;
– Frequência escolar mínima de 60% para crianças de 4 a 5 anos e de 75% para beneficiários de 6 a 18 anos incompletos;
– Manter o Cadastro Único atualizado a cada 24 meses.

Calendário de pagamentos do Bolsa Família em março

– NIS final 1: 15 de março;
– NIS final 2: 18 de março;
– NIS final 3: 19 de março;
– NIS final 4: 20 de março;
– NIS final 5: 21 de março;
– NIS final 6: 22 de março;
– NIS final 7: 25 de março;
– NIS final 8: 26 de março;
– NIS final 9: 27 de março;
– NIS final 0: 28 de março.

Essas medidas visam garantir o apoio necessário às famílias em situações de emergência, fortalecendo a segurança alimentar e a assistência social em todo o país.